Livro feminista: Quando me descobri negra, Bianca Santana

Por Helô Righetto

Um livro essencial para mulheres feministas que estão em busca de conhecimento sobre feminismo negro e sobre a importância de tratar a questão de gênero atrelada a questão de raça. Mas não se assuste: esse não é um livro acadêmico. É um livro de histórias, relatos, vivências, uma espécie de diário. Escrito de forma a nos incluir, a nos fazer refletir e questionar como participamos da opressão de mulheres negras.

Além do mais, o livro traz ilustrações super delicadas do Mateus Velasco. É o tipo de leitura que recomendo pra quem gosta dos livros da Chimamanda Adichie, por exemplo. Pra ler numa sentada só, pra dar de presente para todas as amigas, pra abrir em uma página qualquer e ler um pedaço – porque sempre vai fazer sentido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *